Tipos de cabine existentes em cruzeiros

Tipos de cabine existentes em cruzeiros

Certo dia, um conhecido me contou que estava planejando viajar de navio com a família durante as férias escolares dos filhos (em janeiro de 2019), e tinha muitas dúvidas quanto ao tipo de cabine que deveria escolher. Questionou-me bastante a respeito do assunto.

A resposta dada a ele, num primeiro momento, foi “aquela cabine que atenda as suas necessidades e expectativas”. Sempre pergunto em seguida: Quantas pessoas irão viajar? Quanto você pretende gastar? Alguém sente enjoo ou claustrofobia? E assim por diante.

A partir desse momento, a conversa se desenrolou e chegamos à conclusão que, para ele e a família, o ideal seria uma cabine conjugada, com varanda e em um deck alto.

Quando planejamos um cruzeiro, em algum momento desse planejamento você terá que responder essa pergunta. Pode até parecer fácil para quem já esteve a bordo alguma vez, mas não é tão simples assim, principalmente quando os passageiros são “cruzeiristas de primeira viagem”.

Algumas companhias de cruzeiro oferecem mais de 20 categorias diferentes de cabines, desde as mais simples e baratas até as maiores, duplex e com valores altíssimos. Como decidir?

Bora ler o texto!

 

TIPOS DE CABINE

A informação mais importante que vou passar pra vocês é que, basicamente, existem somente 4 tipos de cabine:

  • Cabine interna
  • Cabine externa
  • Cabine externa com varanda
  • Suítes

Porém, a escolha do tipo não é suficiente para definir a “compra” da sua cabine. É preciso escolher a categoria. Aí é que começa a dificultar a história.

A categoria é a subdivisão do tipo, ou seja, são levadas em considerações outras características importantes, tais como: tamanho, localização no navio (frente, trás, direita, esquerda, andar alto, andar baixo…), quantidade de pessoas, se tem vista externa total ou parcial, conforto, valores agregados (all-inclusive, serviço de mordomo…) etc, etc, etc.

Nesse texto, vou ater-me somente aos tipos de cabine existentes e suas variações.

Vale ressaltar que, em caso de dúvidas, nos sites das companhias existem as plantas de todos os tipos de cabine, com layouts detalhados e dimensões para consulta.

Vamos a elas!

 

Cabine interna

Sua principal característica é não ter qualquer janela ou varanda com vista para o exterior do navio, ou seja, sem acesso à luz natural (por isso o termo “interna”).

São cabines relativamente menores que as demais, e com valores mais “em conta”.

Pode acomodar de 1 a 4 pessoas.

Se você é daqueles que pretende ficar o mínimo possível dentro da cabine ou economizar na viagem, essa é a melhor opção.

P.S.: Geralmente, pessoas que têm propensão à claustrofobia são contraindicadas para esse tipo de cabine.

Cabine interna "padrão"
Cabine interna “padrão” (Costa Fascinosa)

Observações:

– Uma nova tendência dos cruzeiros é a criação das cabines internas tipo Studio, para passageiros que viajam sozinhos (com a mesma infraestrutura das cabines convencionais)

– Para evitar a sensação de “clausura”, algumas companhias disponibilizam cabines internas com “varandas (ou janelas) virtuais”, onde imagens são captadas por câmeras posicionadas estrategicamente ao redor do navio, e projetadas (imagens reais e “ao vivo”) em telas presas junto às paredes das cabines

– Há cabines adaptadas para pessoas com necessidades especiais

– Cabines internas conjugadas, ou seja, com porta de ligação entre 2 cabines, são ideais para quem viaja em família ou grupo de amigos

Cabine interna com varanda virtual
Cabine interna com varanda virtual – Imagem: Royal Carribean

 

Cabine tipo Studio
Cabine interna tipo Studio – Imagem: Norwegian Cruise Line

 

Cabine externa

Possui vista para o mar, ou seja, há entrada de luz natural, porém as janelas (ou “escotilhas”) são fixas – não abrem. Quanto mais alto o deck (andar), melhor será a vista externa.

Esse tipo de cabine é ideal para quem não se sente confortável em ambientes “fechados” (cabine interna) e também não faz questão de cabines com varanda, devido aos valores serem mais altos.

São maiores que as cabines internas e, portanto, mais confortáveis.

Pode acomodar de 1 a 4 pessoas.

Cabine externa "padrão"
Cabine externa “padrão” (MSC Opera)

Observações:

– Dependendo do deck onde encontram-se, algumas cabines podem ter a vista externa obstruída parcial ou totalmente, por causa da sua arquitetura (localização dos tenders – barcos “salva-vidas”, próximos à ponte de comando, sob o deck da piscina etc). O ponto positivo é que, geralmente, têm o preço mais baixo que as demais cabines externas.

– Há cabines adaptadas para pessoas com necessidades especiais

– Cabines externas conjugadas são ideais para quem viaja em família ou grupo de amigos

 

Cabine com varanda

É considerada a melhor opção para quem tem uma condição financeira mais favorável.

É espaçosa, confortável, tem entrada de luz natural e, como o próprio nome diz, tem uma varanda privativa (ideal para relaxar, ler um livro, tomar o café da manhã, ver a vista, sem ter que ir a alguma área pública). Quanto mais alto o deck, melhor será a vista.

Dependendo da localização da cabine, o tamanho e a forma da varanda podem variar.

Pode acomodar de 1 a 4 pessoas.

P.S.: Nos navios mais modernos, as cabines com varanda podem representar até 80% de todas as cabines existentes.

Cabine conjugada com varanda
Cabine conjugada (porta interligando 2 cabines) com varanda (MSC Preziosa)

Observações:

– Dependendo do deck onde encontram-se, algumas cabines podem ter a vista da varanda obstruída parcial ou totalmente, por causa da sua arquitetura (localização dos tenders – barcos “salva-vidas”, próximos à ponte de comando, sob o deck da piscina etc). Geralmente têm o preço mais baixo que as demais cabines com varanda

– Há cabines adaptadas para pessoas com necessidades especiais

– Cabines conjugadas são ideais para quem viaja em família ou em grupo de amigos

Cabine adaptada com varanda
Cabine adaptada com varanda – Imagem: Costa Cruzeiros

 

 

Varanda com vista parcialmente obstruída
Varandas com vista parcialmente obstruída – Imagem: Cruise Critic

 

Suíte

Chegamos às melhores cabines do navio. Definitivamente, são para os passageiros que não têm problemas financeiros, gostam de luxo e conforto, e aproveitam o melhor que o cruzeiro pode oferecer.

As suítes, por serem mais caras, e dependendo da categoria escolhida, “dão direito” a diversos tipos de regalias extras: gifts, frutas, champagne, guloseimas, serviço de mordomo, lavanderia, embarques prioritários, descontos em futuros cruzeiros etc, além de muitos pontos a mais nos planos de fidelidade da companhia marítima.

Existem suítes de diversos tamanhos, estilos e capacidade de ocupação (desde casais até famílias inteiras).

As categorias mais básicas são versões ampliadas das cabines com varanda. Possuem hidromassagem, closet e bar. As mais tops podem ter 2 andares, piano, sala de jantar, diversos tipos de entretenimento (jogos e até escorregadores), grandes tvs de led, wifi entre outras coisas – nesse caso, luxo e tecnologia não faltam.

Se você não quer economizar dinheiro, é a melhor opção de todas.

Suíte com varanda / Categ. S
Suíte com varanda / Categ. S (Costa Favolosa)

 

Ultimate Family Suite
Ultimate Family Suite (Symphony of the Seas) – Imagem: O Globo

 

Como eu já citei lá no início desse texto, os tipos de cabines são 4, mas as categorias são muitas. Os valores variam muito de categoria pra categoria. Muitas vezes, uma cabine com varanda com vista obstruída em um andar intermediário pode ter seu preço similar ao de uma cabine externa na proa do navio. O que vale mais a pena? Depende do que for prioridade para você. Portanto, a dica é pesquisar bastante e conhecer todas as opções que “cabem no seu bolso”.

 

Fiquem ligados porque esse assunto não termina aqui.

Em breve, escreverei sobre os melhores e os “piores” lugares para a escolha da cabine, a fim de evitar algumas “dores de cabeça” desnecessárias.

Combinado?

Aguardem!

 

*Foto em destaque: Crystal Cruises


Leia também

* 7 ótimos motivos para viajar de navio

* O que levar na mala para um cruzeiro?

* Cruzeiro com crianças – informações importantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao Topo