Cruzeiro em Hobart (Tasmânia/Austrália)

Cruzeiro em Hobart (Tasmânia/Austrália)

Hobart é a capital e maior cidade da Tasmânia (estado insular australiano).

Localizada ao sul/sudeste da Ilha, na foz do Rio Derwent, a “Grande Hobart” é constituída por 3 cidades e 4 municípios (entre elas, a própria cidade de Hobart), possui 1.357km² de área e uma população total de aproximadamente 240.000 habitantes. A cidade de Hobart possui 50.439 habitantes (2016).

Sua rica história e arquitetura (uma mistura entre o antigo e o moderno), gastronomia variada, natureza fascinante (o Monte Wellington é visto de, praticamente, qualquer lugar da cidade), praias lindíssimas e fauna silvestre característica (cangurus, coalas, aves em geral e, é claro, o conhecido “diabo-da-tasmânia”) são alguns dos muitos atrativos do local.

O clima é temperado moderado e com as 4 estações distintas. Os verões são quentes e leves, e os invernos frios e chuvosos. A temperatura média anual é de 14°C.

A temporada de cruzeiros limita-se ao período mais quente na região. Inicia-se em outubro e seu término é no mês de abril.

Curiosidade: O personagem Taz, dos desenhos Looney Tunes (Warner Bros), foi inspirado em um dos principais “animais-símbolo” da Austrália, o diabo-da-tasmânia. O mamífero marsupial, também conhecido como demônio-da-tasmânia, assemelha-se a um urso, mas seu tamanho equivale a um cachorro de médio porte. É carnívoro (come pequenos sapos, répteis e aves) e também alimenta-se de frutas e insetos. Na verdade, ele não é muito seletivo, come o que vir pela frente.

Idioma: Inglês

Moeda: Dólar australiano

Hobart (Austrália)
Hobart (Austrália)

 

O porto dos cruzeiros

O Terminal de Cruzeiros de Hobart está localizado no galpão Macquarie Wharf n.2, e possui 3 berços de atracação para os navios.

Ao desembarcarem, os passageiros encontrarão lojas de souvenirs de vários tipos e duty-free, câmbio de moeda e serviços de informações ao turista.

Uma caminhada entre o porto e o centro de Hobart é de aproximadamente 10 minutos, e muitas das atrações turísticas ficam próximas ao centro.

O deslocamento pela cidade pode ser feito a pé, taxi, ônibus (local ou excursão) ou aluguel de carro.

Hobart Cruise Port
Hobart Cruise Port – Imagem: MTG Image

 

O que fazer em Hobart?

Muito pode ser feito a pé, a partir do centro da cidade. Algumas atrações mais distantes têm que ser feitas por excursões ou outro meio de transporte alternativo (taxis, carros alugados ou particulares etc).

O principal cartão postal é, sem dúvidas, o Monte Wellington. Localizado a oeste da cidade, possui 1.270 metros de altura e pode ser visto, praticamente, de qualquer lugar de Hobart. A subida até o mirante é “obrigatória” a todos os turistas (de carro, ônibus ou a pé, por várias trilhas espalhadas pelo Monte). Se você der sorte e o céu estiver limpo, é possível ver Hobart, a Península Tasman, Bruny Island e South Arm. O acesso ao Monte é gratuito e aberto 24 horas, mas fique atento ao clima, pois é muito instável e, dependendo de como estiver o tempo (vento, neve etc), o acesso é bloqueado.

O Museum of Old and New Art (MONA) é diferente de um museu convencional. Possui obras de arte incríveis, inclusive de artistas conhecidos, e outras que “podem chocar” um público mais sensível (Uau! O que seria?! – Dizem que é imperdível). Com exposições tanto no interior do museu quanto ao ar livre, o local é muito agradável e possui um restaurante com comidas e bebidas de excelente qualidade. Também promove festivais de música, gastronomia e cinema durante o ano inteiro.

Ainda pelo roteiro cultural, o Tasmanian Museum and Art Gallery (TMAG) é o 2º museu mais antigo da Austrália. Combinação de museu, galeria de arte e herbário (coleção de plantas secas / desidratadas), é o lugar perfeito para conhecer a história e todo o patrimônio natural e cultural da Tasmânia. O Salamanca Arts Centre (SAC) é um centro de artes criado para apoiar os artistas a desenvolverem novas obras de relevância nacional.

Salamanca é um dos bairros mais antigos da Austrália. Com bares e restaurantes, galerias de arte e comércio ao ar livre. Aos sábados, o calçadão principal é tomado por, aproximadamente, 300 barracas coloridas – o Salamanca Market. São vendidas comidas, artesanatos, antiguidades, produtos variados.

Museum of Old and New Art
Museum of Old and New Art (MONA) – Imagem: MONA

 

Salamanca Market
Salamanca Market – Imagem: australia.com

Para encontrar o diabo-da-tasmânia, cangurus e outras espécies nativas da ilha, é preciso visitar o Bonorong Wildlife Sanctuary. Além de visitação aberta para os turistas, a Empresa atua nas mais diversas áreas de conservação, pesquisa, sustentabilidade e reabilitação das espécies. Possui o 1º Hospital Veterinário exclusivo para os animais selvagens da Tasmânia. Ou seja, cada visitante ainda contribui por uma boa causa!

Outra opção interessante para ficar “cara a cara” com os animais silvestres nativos, é o Tasmanian Devil Unzoo. O Zoo fica à aproximadamente 90km do centro de Hobart.

Um passeio de barco pela Península Tasman proporciona imagens belíssimas da cidade e a chance de ver animais marinhos como focas, baleias e golfinhos (dependendo da época).

Hobart também possui belas, tranquilas e acessíveis praias. Long Beach, Bellerive, Seven Mile Beach, Taroona, Clifton Beach entre outras, garantem os momentos de descanso ao sol. Vale ressaltar que algumas praias ficam distantes do centro.

São muitas as opções turísticas de Hobart e, inclusive, pode-se pegar um carro e visitar cidades próximas como Port Arthur, Cambridge, Bruny Island etc.

Bonorong Wildlife Sanctuary
Bonorong Wildlife Sanctuary – Imagens: Bonorong

 

Pretende viajar de cruzeiro pela Austrália e Oceania?

Embora Hobart não seja o principal porto ou o destino dos sonhos dos viajantes pela Austrália / Oceania, os cruzeiristas irão se surpreender com a natureza, a culinária e, principalmente, com a vida animal (em seu habitat natural) que não existe em nenhum outro lugar do mundo. Fica a dica!

Os cruzeiros atracam no porto no período da manhã e partem no final da tarde, portanto, seria necessário mais tempo para que os turistas conheçam toda a cidade e as suas atrações. Dessa forma, antes da viagem, vale a pena fazer uma pesquisa dos locais mais importantes e interessantes para visitação.

Royal Caribbean, Norwegian Cruise Line, Celebrity Cruises, Holland America Line, MSC Cruzeiros são algumas das diversas companhias marítimas que fazem roteiros regulares à Hobart.

Monte Wellington
Monte Wellington – Imagem: Expedia

 

Você já esteve em Hobart? Deixe seu comentário abaixo.

*Foto em destaque: Divulgação


Leia também

* Cruzeiro em Oranjestad (Aruba)

* Cruzeiro em Juneau (Alasca/EUA)

* Cruzeiro em Muscat (Omã)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao Topo